Conceitos digitais inovadores para desenvolver seu negócio na internet!

Blog

7 dicas para melhorar as taxas de acesso do seu site

.:: 7 dicas para melhorar as taxas de acesso do seu site ::.
28/05/2018

Em meio a um mercado cada vez mais competitivo, se torna difícil conseguir capturar a atenção do consumidor. Não alcançar esse objetivo pode causar a diminuição das taxas de acesso do seu site, o que, além de prejudicar sua taxa de conversão, pode prejudicar a relevância da sua marca nos sites de busca. Aumentar as taxas de acesso do seu site não é algo que acontecerá de um dia para o outro. É preciso entender o que está faltando na sua estratégia e se dedicar. E os resultados valerão a pena. Para te ajudar a estar sempre um passo à frente, separamos 7 regras básicas para aumentar sua métrica.

Use as redes sociais

Usar os perfis sociais é sempre uma boa opção para aumentar as taxas do seu site. Se você tem uma loja virtual, por exemplo, vale a pena oferecer ofertas limitadas que levem para uma landing page específica, ou apostar em uma campanha patrocinada incentivando seus consumidores a conhecerem a nova coleção (aposte no perfil de pessoas que já acessam a sua fanpage). Em redes sociais como o Instagram, é possível ainda aproveitar o poder das hashtags e do insta stories para aumentar o alcance e a interação com o público.

Se você não tem um e-commerce, a dica é gerar conteúdos ricos e relevantes em seus posts que levem para uma página específica do seu site. Lembre-se: o cliente vai parar no site da sua empresa a partir do conteúdo do post. Se você postou o link de um texto que está em seu blog, por exemplo, são as informações contidas ali que vão chamar a atenção (ou não) do consumidor para a leitura e, posteriormente, ao redirecionamento ao site. Para isso, a comunicação utilizada nas redes sociais deve ser direta e interessante.

Uma outra alternativa é usar a campanha em formato de carrossel do Facebook para divulgar os serviços prestados pela sua empresa. Nesse modelo, você pode veicular até 10 cartões, com imagens, links e chamadas para ações, tudo em um único anúncio.

Use e-mail marketing

O uso de uma boa estratégia de e-mail marketing é essencial para elevar os acessos do seu site. Em caso de uma loja virtual, criar um html fatiado por categorias de produtos pode ajudar o aumento do tráfego em páginas menos visitadas.

Para ser ainda mais assertivo, certifique-se de segmentar sua base para evitar o envio de ofertas que não condizem com o perfil do consumidor. Não usar a segmentação pode causar problemas como o envio de uma oferta de biquínis para homens e de cuecas para mulheres, por exemplo. A recorrência dessa prática pode causar o descontentamento dos seus clientes e aumentar a chance de te classificarem como SPAM ou dar Opt-out.

Lembre-se também de se atentar para um template bem feito. Como já mencionado, capturar a atenção do consumidor não é uma tarefa simples, então é preciso trabalhar com e-mails atrativos visualmente. Busque uma arte clean, com imagens em alta resolução que tenham call to actions claros para o consumidor.

Mais uma dica, talvez uma das mais importantes: trabalhar com html responsivo. Não existe mais a opção de montar uma estratégia sem pensar no mobile. De acordo com uma pesquisa feita pela Litmus em 2016, por meio de análise de mais de 1 bilhão de e-mails, hoje, 54% das aberturas de e-mails são feitas via dispositivos móveis.

Utilize SEO

Não apenas um diferencial competitivo em relação aos concorrentes, já que o ranqueamento na busca orgânica será melhor, o Search Engine Optimization (SEO) é uma poderosa ferramenta para aumentar o tráfego da sua página. Sempre crie conteúdos otimizados para elevar as chances da sua página aparecer em primeiro lugar nos sites de busca e capturar a atenção de clientes em potencial. Para isso, gere conteúdos relevantes, com palavras-chave personalizadas e específicas do seu negócio. Além disso, use essas palavras-chave no site também, para ter uma melhor performance ao fazer um anúncio no adwords, por exemplo.

Link Building

Trabalhar com Link Building é uma prática que pode melhorar bastante os acessos de sua página. Sempre quando possível faça hiperlinks em seu conteúdo. Se você tem um blog, por exemplo, sempre procure conteúdos dentro de um texto que possam direcionar o leitor para outra matéria em seu site.

Além de melhorar sua performance, isso evita que o leitor procure o conteúdo em links externos. Se sua página está falando sobre um assunto que possui relação com um serviço comercializado pela sua empresa, faça o link entre as duas páginas, enviando o usuário para essa segunda página caso queira conhecer mais.

Cuidado com o conteúdo

Vale a pena sempre reforçar a importância de manter seu conteúdo atualizado, seja com preços, disponibilidade, matérias atuais e qualquer outra informação de seu negócio. Além disso, capriche na escrita e deixe o material rico e relevante para o usuário. Revise seus textos e pense no SEO e Link Building. Além de passar uma boa imagem da sua marca para o consumidor, você aumenta sua relevância nos sites de busca. Lembre-se: é melhor postar menos do que subir diversos conteúdos sem utilidade para o leitor.

Responsivo e com boa navegabilidade

Ao longo dos anos o Google se tornou bem mais rígido com relação ao posicionamento de sites fora das boas práticas de navegabilidade.

Um item de grande relevância para o Google em relação a ranqueamento diz respeito às tecnologias responsivas. Como citamos anteriormente, 54% da população no brasil acessa internet por algum dispositivo móvel, ou seja, seu site ser responsivo é uma condição e não mais uma possibilidade. A falta da responsividade fará com que mais da metade dos seus clientes tenham a visão de um conteúdo totalmente desconfigurado, causando desconforto e falta de confiança.

Por isso, certifique-se que sua página esteja acessível a todos os dispositivos móveis, com layout possibilitando uma boa navegabilidade — ou seja, que os clientes encontrem exatamente o que procuram. Tente ao máximo descomplicar: quanto mais simples for a navegação em seu site, maiores são as chances da permanência do cliente e a visita em diversas páginas.

Monitore o resultado no Analytics

Meça diariamente os resultados no seu Google Analytics, que deve ter uma tag instalada em todo site. Fique de olho nos resultados e, a partir do aumento ou diminuição da taxa de acesso, procure ver outras variáveis como taxa de rejeição, número de páginas visitadas por usuário e tempo médio da sessão.

Essas informações mostrarão onde está o problema (caso tenha algum) e onde é preciso melhorar. Analisar os dados ajudará a identificar se é o público correto que está sendo levado para a sua página e se o seu site está sendo efetivo.

Ao colocar em prática essas dicas e acompanhá-las, você verá o aumento da sua taxa de acessos e perceberá que pequenas mudanças podem gerar grandes resultados.

  • Voltar